Logo 45 anos final

10 coisas que não podem faltar em uma previsão orçamentária.

Estamos chegando ao final do ano e muitos síndicos começam a fazer o planejamento financeiro para o ano seguinte. E uma previsão orçamentária é obrigatória.

A taxa condominial anual é definida com base nessa estimativa.

De acordo com o Código Civil, ela deve ser preparada e apresentada durante a assembleia geral:

“Art. 1.350. Convocará o síndico, anualmente, reunião da assembleia dos condôminos, na forma prevista na convenção, a fim de aprovar o orçamento das despesas, as contribuições dos condôminos e a prestação de contas, e eventualmente eleger o substituto, alterando o regimento interno”

Qual a importância de uma previsão orçamentária?

Ela permite um planejamento eficaz como o destino de recursos e a transparência nas finanças.

Um diagnóstico bem elaborado ajuda a evitar surpresas desagradáveis, como taxas de condomínio inesperadas ou atrasos em reparos. Além disso, proporciona uma base para a formação de fundos de reserva, que são essenciais para cobrir gastos extraordinárias e investimentos necessários.

Neste artigo, vamos apresentar 10 pontos que não podem faltar em uma previsão orçamentária para a gestão de condomínio.

1)     Receitas e Despesas Ordinárias:

Os moradores têm o direito de saber o que estão pagando e o que tem de entrada na movimentação financeira do prédio.

Entre as receitas destacamos: mensalidades dos condôminos, aluguel de áreas comuns, multas e juros. Já nos consumos ordinários temos salários dos funcionários, manutenção rotineira, segurança, CFTV, seguros, limpeza, dentre outros.

2)     Fundo de Reserva:

Um fundo de reserva é essencial para garantir a capacidade de lidar com gastos imprevistos, como restauros emergenciais e manutenção de longo prazo.

Ele oferece estabilidade financeira e evita surpresas desagradáveis, permitindo que o prédio mantenha suas instalações e serviços em ótimas condições.

3)     Despesas Extraordinárias:

Liste possíveis despesas extraordinárias que podem surgir, como reformas estruturais, obras emergenciais e investimentos em melhorias significativas.

É importante ter um plano para como lidar com essas situações financeiramente.

4)     Provisões para Inadimplência:

Estime a taxa de inadimplência e inclua em seu orçamento. Isso garantirá que o condomínio esteja preparado para cobrir despesas mesmo se alguns condôminos não pagarem suas mensalidades pontualmente.

5)     Contingências:

Reserve uma parte do orçamento para contingências de obras previstas que vão acontecer ou, por exemplo, o mês de aumento dos ordenados dos funcionários conforme a convenção coletiva.

6)     Contratos de Prestadores de Serviços:

Inclua informações sobre custos e termos contratuais a fim de garantir transparência e controle de despesas.

7)     Avaliação de Custos:

Realize uma análise de custo-benefício para projetos de grande porte.

Isso vai lhe auxiliar a determinar se um projeto específico é viável financeiramente e se o retorno acerca do investimento é satisfatório.

8)     Priorização de Projetos

Liste projetos de manutenção e melhorias para o ano classificando-os por prioridade. Isso ajudará a determinar a alocação de recursos de maneira eficiente.

9)     Revisão Periódica:

Estabeleça um cronograma para revisar o orçamento regularmente ao longo do ano. Isso permitirá ajustes conforme necessário, à medida que novas informações ou despesas inesperadas surgirem.

10 ) Transparência e Comunicação:

Mantenha os condôminos informados sobre as finanças do condomínio.

Realize reuniões periódicas e deixe o acesso livre (por meio do site ou app) as pastas mensais para promover a transparência e o envolvimento da comunidade.

Percebeu que a estimativa orçamentária desempenha um papel importante na manutenção do condomínio e na garantia do bem-estar dos moradores, promovendo estabilidade e tranquilidade a todos?

Certifique-se de que seu orçamento seja realista e que leve em consideração todas as despesas e receitas relevantes, promovendo a estabilidade financeira e a satisfação dos condôminos.

Nós, da Convicta, temos experiencia na área administrativa condominial sendo parceira de muitos condomínios desde 1977. São mais de 40 anos auxiliando síndicos a gerenciar prédios comerciais e residenciais.

Entre em contato com a gente. Temos uma equipe especializada para te atender e colaborar em todas as suas necessidades.

Tem algum outro ponto que faltou nesta análise? Compartilhe com a gente!

Toda experiência é bem-vinda como partilha de conhecimento e ideias.

EMPRESAS AMIGAS

Abril de 2021 - Todos Direitos reservados a Convicta Imóveis